menu.jpg

13/04/2009 | Versão para Impressão

A Beneficncia Portuguesa no Quintas no Museu

O Museu de História da Medicina do Rio Grande do Sul (MUHM) traz, na próxima quinta-feira (16) dentro do ciclo de palestras “Porto Alegre e seus Hospitais” a história do Hospital Beneficência Portuguesa e do trabalho de recuperação de documentos da instituição. Para apresentar esta trajetória foi convidado o presidente do Conselho Deliberativo da Beneficência Portuguesa Antônio Carlos Pereira de Souza. O diretor do MUHM, historiador Éverton Quevedo, falará sobre a documentação.

Antônio Carlos Pereira de Souza preside o Conselho Deliberativo da Beneficência Portuguesa desde 2007 – cargo que já ocupou entre 1990 e 1992 e de 1999 a 2003. Foi também presidente do Hospital de 1985 a 1989.

Já o historiador Éverton Quevedo, diretor do Museu de História da Medicina e Mestre em História pela PUCRS, falará sobre os avanços do projeto de recuperação de documentos do hospital e da sociedade em cujo prédio está sediado o MUHM. Mantido pelo Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (SIMERS), o museu foi inaugurado em outubro de 2007, e uma semana depois já assinou o convênio que conta ainda com a participação da UNISINOS e do Arquivo Histórico do RS.

A iniciativa integra o projeto Quintas no Museu, que acontece todas as quintas-feiras às 18 horas na Sala Rita Lobato do MUHM (av. Independência, 270, prédio histórico da Beneficência Portuguesa). O museu fornece certificados de participação. Os ciclos previstos para 2009 preveem, ainda, temas como museus e turismo, pesquisa em medicina saúde, cinema e literatura, sempre relacionando obras à medicina.

As próximas edições serão no 23, com a palestrante Lúcia Souza Weber apresentando o trabalho realizado no Sanatório Parque Belém, e, no dia 30, Neuza Maria Barcelos e Edson Medeiros Cheuiche apresentam o Hospital Psiquiátrico São Pedro, encerrando o ciclo.

Durante os meses de março e abril, cada quinta-feira do ciclo “Porto Alegre e seus Hospitais” está dedicada a uma instituição. A primeira semana mostrou o trabalho do Centro Histórico-Cultural da Santa Casa, em palestra da historiadora Adriane Raimann. A segunda semana ficou a cargo do hospital Moinhos de Vento, em palestra da historiadora Elizabeth Torresini, e a terceira, dia 26, foi uma palestra da historiadora Denise Bastos, do Hospital Sanatório Partenon. No dia 09 foi a vez da historiadora Juliane Serres falar sobre o “Patrimônio Cultural da Saúde de Porto Alegre”. Todas as falas estão sendo gravadas para o projeto UNISIMERS, do SIMERS.


Compartilhe:


Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player