menu.jpg

05/04/2012 | Versão para Impressão

Sarau Lrico trouxe o bartono Carlos Rodriguez e convidados

A edição dos Saraus Líricos de 05 de abril esteve a cargo do barítono Carlos Rodriguez e convidados Elisa Machado, soprano, Raíssa Panatieri, mezzo-soprano, e Jonatas Mathias, tenor, acompanhados pelo pianista Érico Bezerra. 


Veja aqui fotos dos eventos 


A atividade integra o projeto Quintas no Museu e acontece na Sala Rita Lobato. Os saraus acontecem sempre na 1ª quinta-feira de cada mês às 18h30min com entrada gratuita, mas o museu convida a participar da campanha Saúde Criança de arrecadação de alimentos. 

A coordenação dos saraus é do médico Aury Hilário, diretor-presidente da Associação Gaúcha de Cultura Musical e Agenda Lírica, com apoio do Sindicato Médico do Rio Grande do Sul. Os alimentos a serem destinados à Associação Saúde Criança que têm maior demanda são: feijão, açúcar, óleo, massa, farinha de trigo e de milho e leite integral. A associação repassa em forma de cesta básica às famílias atendidas, que são encaminhadas pelo Hospital da Criança Conceição.
 

Programa 

A Canção do Toreador - Carmen, de Bizet
Lascia ch’io pianga - Rinaldo, de Händel
Il core vi dono - Così Fan Tutte, de Mozart

Mein Sehnen, mein Wähnen - Die tote Stadt, de Korngold
Salut, demeure chaste et pure - Faust, de Gounod
O, Mimi, tu più non torni - La Bohème, de Puccini

Amor, vida de mi vida - Maravilla, de Moreno Torroba
Vilja Lied - Die lustige Witwe, de Lehar
Lippen schweigen - Die lustige Witwe, de Lehar





Carlos Rodriguez, barítono

Radicado na Europa de 1997 a 2003, graduou-se e pós-graduou-se nos cursos de performance em Ópera e Música de Câmara no Conservatório Superior de Música de Maastricht, na Holanda e “Stage Training for Opera Singers” no Jeker Opera Studio, Holanda. Fez, também, master classes com Thomas Hampson (EUA), Luigi Alva (Peru) e Sir John Shirley-Quirck (Inglaterra), entre outros. Em 1999, foi semifinalista do Concurso Internacional de Canto Mozart em Salzburg, na Áustria; e, em 2003, ganhou o terceiro prêmio no Concurso Internacional de Canto Bidú Sayão em Belém do Pará.

Na Europa, cantou nas óperas Angélique de J. Ibert (Charlot), Amahl and the Night Visitors de G. Menotti (Melchior), A Flauta Mágica (Papageno) e Carmen de G. Bizet (Dancaïre), entre outras. No Brasil, destacam-se Carmen (Dancaïre), no Theatro da Paz em Belém do Pará, Rigoletto (Marullo) e “Un Ballo in Maschera” (Silvano) ambas de G. Verdi, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Em Porto Alegre, La Traviata (Germont) de G. Verdi, no StudioClio, O Empresário (Empresário) de W. A. Mozart, no Theatro São Pedro e A Boiúna (Tiago), no Teatro da OSPA. Seu repertório conta, também, com as seguintes obras: Carmina Burana de C. Orff, Ein deutsches Réquiem de J. Brahms, IX Sinfonia de L. van Beethoven, e Die Jahreszeiten de J. Haydn, entre outras. Em 2001, com a OSPA, fez a primeira gravação mundial da ópera A Boiúna. Em 2002, participou da gravação de Canções de Emergência no CD “Tudo Muda – A Música de Flávio Oliveira”, acompanhado ao piano pelo compositor. Em 2005, gravou um CD da “IX Sinfonia” de L. van Beethoven, com a Orquestra Sinfônica de Sergipe sob a regência do maestro Ion Bressan. Nesse mesmo ano, foi fundador da Escola de Ópera dessa orquestra, orientando e coordenando solistas locais na preparação de performances. Em 2003, foi um dos fundadores do grupo Ópera de Bolso, apresentando a Flauta Mágica de W. A. Mozart nesse formato. Em 2006, ao lado da Orquestra de Câmara do Theatro São Pedro, em Porto Alegre, fez a estréia mundial da obra Recorrências, de Flávio Oliveira, composta especialmente para sua voz. Em 2007, foi o curador da área de canto lírico do StudioClio. Seu mais recente trabalho foi o solo de barítono na superprodução da obra Carmina Burana, de Carl Orff, aclamado pelo público e a crítica, na abertura da temporada oficial 2008 do Teatro do SESI.


Érico Bezerra, pianista

Erico BezerraNatural do Rio de Janeiro. Iniciou seus estudos em São Paulo no Conservatório Musical Jardim América, passando a estudar na Universidade Livre de Música Tom Jobim (ULM) – SP e Conservatório Musical de Florianópolis com a professora Luciana Goss. Participou de vários concursos, destacando-se entre eles 1º lugar no XXIII Concurso Latino-Americano Rosa Mística, 2° Lugar no VI Concurso Nacional de Piano "Professora Eugênia Stangler de Oliveira", Menção Honrosa no 1º Concurso Nacional Luiz Thomaszeck e 3° Lugar no VII Concurso de Piano Prof.ª Edna Bassetti Habith.Participou do programa de intercâmbio na Universidade da Geórgia - EUA de janeiro a março em 2009, aperfeiçoando-se com Evgeny Rivkin (Rússia-EUA). No ano passado foi um dos bolsistas selecionados no 41° Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão. Érico Bezerra é Bacharel em Piano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), sob a orientação do Prof. Dr. Ney Fialkow. 
 




Compartilhe:


Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player